Portal do Governo Brasileiro
Início
Notícias UFSM
Orientações sobre aulas e expediente administrativo nos dias de jogos do Brasil

Orientações sobre aulas e expediente administrativo nos dias de jogos do Brasil

27/06/2018 07:31
Classificada em: Geral , Utilidade

As atividades acadêmicas e o expediente administrativo externo terão alterações em dias de jogos da Seleção Brasileira de Futebol durante o período da Copa do Mundo 2018.

Para o jogo do dia 2 de julho (e demais jogos a partir desta data que aconteçam em dias de semana), cada professor deve avaliar a situação da disciplina e, a seu critério, remanejar as atividades ou organizar plano de recuperação de conteúdos, caso haja necessidade, combinando diretamente com os alunos.

O Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CEPE) havia aprovado um conjunto de alterações no Calendário Acadêmico, dentre elas a suspensão das aulas e demais atividades acadêmicas para Graduação e Pós-Graduação nos dias 22 e 27 de junho, independentemente do turno do jogo. O Calendário atualizado prevê a recuperação das atividades desses dias.

Já o expediente administrativo externo terá horários diferenciados em dias de jogos do Brasil durante o período da Copa e haverá ponto facultativo no turno das partidas. A determinação consta na ordem de serviço nº 02/2018, de 25 de junho. O posicionamento da universidade segue a definição da portaria nº 174, de 21 de junho de 2018, do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão. De acordo com a Ordem de Serviço, nos dias em que os jogos ocorrerem no turno da manhã, o expediente na UFSM será das 14h às 18h. Já quando as partidas forem realizadas à tarde, o expediente será das 8h às 13h. A Ordem estabelece, em caráter excepcional, ponto facultativo até às 14h, nos dias em que os jogos se realizarem pela manhã; e a partir das 13h, nos dias em que os jogos se realizarem à tarde.

Em caso de novas orientações do Ministério a respeito do expediente, a comunidade universitária será informada sobre as mudanças.

A Universidade reitera que atividades consideradas essenciais terão seu funcionamento integral mantido.

Seguindo as orientações do Ministério, os servidores da Universidade deverão compensar as horas não trabalhadas até o dia 31 de outubro deste ano, mediante a elaboração de um Plano de Recuperação de Atividades. Os servidores deverão solicitar abono apenas das horas faltantes no dia, utilizando a funcionalidade "abonar horas" e anexando o plano de recuperação das atividades, que deve ser firmado entre o servidor e a chefia.

Texto: Assessoria de Comunicação do Gabinete do Reitor




Últimas Notícias

Geral

Utilidade